Carretos

Não há muito a dizer quanto à manutenção dos carretos, pois também poucas são as ocasiões em que existe necessidade de os desmontar, no entanto, a limpeza deve ser efetuada com muita regularidade.

Como o saber não ocupa lugar, aqui ficam algumas dicas para proceder à sua desmontagem:
-Atualmente muito dificilmente encontraremos uma bicicleta em que o carreto não seja de cassete (conjunto de cremalheiras).
-Estas cremalheiras podem ser separadas ou em grupos. Regra geral os carretos maiores são individuais e os menores são agregados num conjunto.
-Desta forma consegue-se fazer uma melhor gestão do carreto, pois pode-se efetuar a substituíção dos andamentos mais utilizados (com maior desgaste).
-É recomendado a utilização de ferramenta especifica.
Assim:
-Em primeiro lugar, retiramos a roda da bicicleta;
-retirar o eixo, o aperto rápido, mas muito cuidado para não perder as molas;
-Colocar a chave para desapertar o carreto, no eixo da roda, não devemos aliviar a porca, pois os carretos giram nesse sentido;
-Assim teremos de recorrer ao saca.carretos, para prender a roda-livre;
-O saca carreto deverá ser efetuada nosandamentos do meio da cassete;
-Após retirar a porca de aperto, segue-se retirar a cassete;
-Limpar o núcleo da roda livre com recurso a um pano, utilizando um desengordurante;
-Inspecionar se existem cremalheiras com dentes partidos ou com maior desgaste e proceder à sua substituição;
-Lubrificar o núcleo da roda com massa lubrificante;
-Montar o carreto por ordem sequencial, ou seja, primeiro a cremalheira com maior nº de dentes e por aí a baixo;
-Só existe uma posição para colocar as cremalheiras no núcleo, por isso a dificuldade é muito reduzida;
-Por último apertar o carreto.

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 9.0/10 (2 votes cast)

Carretos, 9.0 out of 10 based on 2 ratings

Tags:



Back to Top ↑

Largura do Guiador
Furo na estrada